terça-feira, 2 de setembro de 2014

Henê Pelúcia, falando serio sobre o assunto.

Henê estive fazendo uma pesquisa rigorosa a respeito para não falar besteiras. Primeiro entrei em contato com o fabricante do Henê a Embeleze , perguntando sobre a composição química do produto e obtive uma resposta breve e nada construtiva a respeito de seus componentes, aliás eu como profissional não acredito que eles tenham realmente encontrado um solução como dizem no e-mail em um planta da Amazônia que resulte no mesmo efeito que obtivera a mais de 50 anos no mercado depois de ser advertido para que mudasse a composição, pela ANVISA o e-mail reposta foi:

Olá, Marlize!

Gostaria de informar que segundo a ANVISA, a utilização do acetato de chumbo na fabricação dos produtos de uso capilar foi proibida em razão das divergências em torno da nocividade do produto. O produto Henê Pelúcia ou o Rená Não possuem nenhum metal.

O componente que faz o cabelo alisar e ficar preto é o pirogalol (caesalpinia spinosa (tara,taya) que é uma planta de origem amazônica de onde podemos obter de forma natural o pirogalol).

Atenciosamente,

Sistema Embeleze de Relacionamento.
4003 2667 (capitais e regiões metropolitanas)
0800 88 12667 (demais regiões).
embelleze@embelleze.com
www.embelleze.com

Depois desta resposta eu conversei com um químico formado pela instituição de ensino superior Unifran o Cleyton Alex Sander que você pode encontrar no Facebookou no site:Spa do Cabelo Franca e sua resposta foi a seguinte:

É um seguinte o henê tem chumbo sim e muito inclusive natucor bigen tablet santo Antônio e biocolor líquida

Na sua pesquisa talvez o google reconhecesse hena e não henê

A hena surya é a única 100% natural e vegetal com plantas da floresta Amazônia azia e índia que são trituradas sem passar por nem um processo químico...

Ja o henê é chumbo e se usar ele por 7 anos seguidos a pessoa fica até corcunda .... ou com problemas de tireoide

A hená. Por sua vez não tem contra indicação da Surya Henna aprovada pela Anvisa.

Depois disso pesquisei na internet e no site Wikipédia diz o seguinte:

O henê é um produto cosmético para tratamento capilar usado como alisante, colorante e hidratante para cabelos cacheados, encaracolados ou crespos. Tem consistência cremosa, cor negra ou marrom escura e um intenso odor característico.

Embora seja um produto antigo, é ainda cercado de mitos. Ao contrário do que se diz, henê não contém chumbo ou metais prejudiciais (OB: Não contem chumbo ou metais prejudiciais mais pode conter uma porcentagem não prejudicial, apesar de não relada nesta publicação. Marlize Jeane) à saúde. Seu uso e comercialização é permitido pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) há mais de 50 anos. Não existem fontes que digam por que nem quando esse mito foi criado, mas conforme as composições dos henês, eles são feitos à base de Pirogalol, que é um fenol. Israel Felzenszwalb, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), realizou um estudo recente que comprova que o fenol Pirogalol utilizado em cosméticos como o henê é inofensivo à saúde humana, por estar em meio ácido, o que anula o efeito cancerígeno da substância. Com esse estudo, mais um mito cai, comprovando que henê não causa câncer.

Importante: henê não deve ser confundido com hena. Henê é um alisante que colore, a Hena é uma coloração natural, portanto, são produtos diferentes.

Segundo a consultoria ACNielsen, o henê representa 22% do mercado de cosméticos de transformação para cabelos no Brasil.1

Efeitos nos cabelos Ao contrário de outros alisantes sintéticos que agem internamente nos fios capilares, o henê age externamente – o que cria uma "capa" química que impede o uso posterior de outro alisante. Os efeitos da aplicação de henê são progressivos, só sendo percebidos significativamente a partir da quarta aplicação.

De forma prática, o resultado é um cabelo liso e preto, que não aceitará nenhuma mudança química, pois o henê é incompatível com outras bases químicas como os hidróxidos e o tioglicolato de amônia. Portanto, a cor dos cabelos também não poderá ser mudada. Para usar outra base química é necessário aguardar o crescimento dos fios, até que toda a parte com henê seja eliminada.

Atualmente, muitas marcas de henê adicionam queratina à composição da fórmula.

O henê hoje. Com a evolução da tecnologia, muitos henês possuem aromas como frutas vermelhas, chocolate, orquídea e erva-doce. O cheiro característico que ficava após a aplicação também foi drasticamente diminuído por conta desses aromas.

Também houve mudança na forma de preparo: hoje, a maioria deles não precisa ser preparado diretamente no fogão. Muitos se misturam com creme de massagem capilar, com água ou podem ser aplicados diretamente nos cabelos.

Há também variedade de cores. Além do preto, há os castanhos e avermelhados, e podem ser encontrados em diferentes forças também: suave, médio, forte e extra-forte.

Por conta dessas mudanças o produto passou a ser usado por todos os tipos de mulheres, com diferentes tipos de cabelo e até por homens, contrariando o estereótipo e o passado onde somente era utilizado em cabelos afro e pela população negra. Hoje, ele é utilizado por diferentes classes econômicas.

O henê é um alisamento progressivo, por isso precisa ser aplicado diversas vezes para se obter o resultado desejado. Da 1 à 4 aplicações ele irá tingir os cabelos significativamente, de 4 à 14 ele irá tirar o volume, podendo também, alisar o comprimento, e da 15 à 25 (menos ou mais depende do tipo de cabelo) ele alisará o cabelo por inteiro, dá raiz às pontas. A Matéria Prima (Pyrogallol) que alisa os cabelos é a mesma que tinge, portanto se diminuirmos o poder de tintura diminuiremos com relação ao alisamento. Este é o motivo do qual é impossível dentro do princípio de alisamento com o Henê criarmos um produto com outra cor ou mesmo sem cor nenhuma.

Como tinturas são produtos químicos, são, portanto incompatíveis com o Henê. Para trocar de tratamento é necessário esperar um espaço de tempo de 3 a 6 meses.

Nunca use nenhum outro produto químico, nenhum outro alisante ou tintura com Henê.

E alem dessa publicação encontrei também uma entrevista em um site de uma revista renomada no meio profissional de cabeleireiros a Cabeleireiros.com com um dos responsáveis pelo produto que também irei compartilhar com vocês:

Henê: ele é mesmo o vilão que dizem?
Por Eder Garrido | em 06/05/2011

Um dos cosméticos para cabelos que mais gera dúvidas entre profissionais e consumidor é o Henê. Usado para alisar e tingir os cabelos ao mesmo tempo, ele provoca discussões calorosas. Alguns o defendem, outros o acusam de destruir os fios. Famoso por sua incompatibilidade com outros procedimentos químicos, o henê é, basicamente, um produto de uso doméstico, mas tem interferência direta na rotina dos profissionais cabeleireiros.

Henê: ele é mesmo o vilão que dizem?

O portal Cabeleireiros.com conversou com Bruno Fernandes, técnico da V.I.S., do Grupo Ikesaki, sobre o assunto. Confira!

Portal Cabeleireiros.com:

O henê pode ser considerado uma tintura ou um alisante? Quais são as particularidades dele?

Bruno Fernandes:

O henê de encaixa no grupo dos produtos que alisam e tingem o cabelo ao mesmo tempo. Seu efeito é progressivo. Diferente das demais bases químicas, o henê não faz uma transformação de estrutura interna do fio. Ele cria uma capa química cumulativa, que após quatro ou mais aplicações confere ao fio alisamento, uma tonalidade escura e um brilho momentâneo.

Portal:

Qualquer pessoa pode utilizá-lo?

Bruno:

O henê é recomendável para pessoas com fios naturais ou coloridos, que não utilizem medicações fortes como antidepressivos ou antibióticos. Crianças e gestantes não devem fazer uso bem como clientes com fios muito danificados por outros processos químicos.

Portal:

Quem utiliza o henê pode se submeter a outros procedimentos químicos, como colorações, escovas progressivas etc? Muitas pessoas sofrem reações adversas e chegam a apresentar queda acentuada de cabelos. Por que isso acontece?

Bruno:

O henê é um agente químico formulado à base de pirogalol, um fenol derivado de benzeno. Essa composição o torna incompatível com qualquer outra base química alisante ou componentes das colorações existentes no mercado, sendo necessário cortar toda a parte alisada com ele, e realizar mudanças somente nos cabelos virgens crescidos. Caso a cliente aplique outro agente sobre os fios e o couro cabeludo processados com henê, poderá sofrer com quebra e queda de fios devido à incompatibilidade química existente entre eles.

Portal:

Qual a eficácia do alisamento feito pelo henê? Algumas pessoas dizem que o alisamento é progressivo, sendo necessárias várias aplicações até o resultado esperado. Ele é capaz de alisar cabelos muito cacheados?

Bruno:

O henê tem resultado aparente após 4 aplicações, onde acontece a pigmentação escura dos fios e uma leve redução de volume. Entre 6 e 10 aplicações a redução de volume é significativa, e a partir de 15 aplicações se nota os fios completamente lisos. Os resultados podem variar de acordo com a textura do cabelo.

Portal:

Todo henê, necessariamente, colore os cabelos de preto?

Bruno:

Não necessariamente. Com a evolução da indústria cosmética, o mercado já oferece henês com tonalidades castanhas e avermelhadas.

Dica do Bruno:

A pessoa que for fazer uso do henê, deve estar consciente de suas características e das consequências para uma eventual mudança

Marlize Jeane:

Alem de alguns blogs que se contradizem e não vale a pena serem sitados aqui pois eu resolvi publicar apenas publicações e dados sérios a respeito do produto que no final das contas ninguém sabe ao certo do que se trata fica o mistério ainda a ser desvendado o que é o HENE...

Então pesquisei o tal pirogalol

Pirogalol, ácido pirogálico ou 1,2,3-benzenotriol é um composto químico aromático, com fórmula C6H6O3. É um fenol, derivado do benzeno pela substituição de três átomos de hidrogênio com carbono adjacente, por hidroxilas.

É usado para absorver o oxigênio.

Então está ai o agente químico que faz a mágica progressiva de colorir e alizar os cabelos com esse produto tal agentes não foi testado ou pesquisado profundamente seus perigos. Pela pesquisa que fiz a respeito de tal produto sem o menos auxilio dos responsáveis pelo produto foi o que encontrei espero que gostem se tiverem mais informações a respeito por favor fique a vontade para comentar eu adicionarei a publicação!

Resultado do produto!!!
 Embalagem do Produto Suave
Embalagem do Produto Forte


Por Marlize Jeane

19 comentários:

  1. Engraçado... as pessoas colocam chumbo onde não têm...
    Pq ninguém fala dos malefícios dos batons, que esses ao contrário do henê sim contém chumbo?
    Pq as pessoas não falam dos malefícios do protetor solar?
    Ninguém fala abertamente da toxidades dos novos ativos das progressivas, como o ácido glioxílico ou o ácido metanóico, inclusive este segundo é comercializado pela fonte (Spa do Cabelo) em sua escova progressiva, e é vendido como a última maravilha do mundo.
    Muito contraditório.
    Realmente quando se fala de químicas é complicado, de um lado tem muitos "especialistas" que falam apenas pelo seu achismo, as empresas falam apenas do ponto de vista de marketing e os profissionais cabeleireiros que não estudam a fundo e acreditam ou na primeira opção, ou na segunda.

    ResponderExcluir
  2. Tem razao, o negocio de quem critica muitas vezes vem da falta de conhecimento ou por interesses financeiros, por ser um produto relativamente barato que cabe no bolso de todos, acaba sendo marginalizado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, Eliane vc falou uma coisa certa. Tb estou de acordo com anonimo 18 de janeiro acima. Marlize fez um bom trabalho indo pesquisar e tentar explicar parabéns, eu li com atenção. Vamos listar alguns exemplos: O que é barato e não se pode faturar milhões não se tem interesse ou são esquecidos. Exemplos da água oxigenada volume 10 os benefícios inúmeros dela e é super barata ninguém fala. Os chás que curam, alimentação que salva, porque os médicos passam tantos remédios que ajudam por um lado e mata por outro? A escova progressiva é agressiva totalmente a saúde e por ai vai. Vivemos em um tempo que temos que buscar, se informar evitar, parar de usar muitas coisas, hj em dia vivemos uma epidemia de câncer pessoas morrendo pela boca e ainda assim continuam comendo os alimentos que matam, refrigerantes, frituras, doces, massas etc, etc. Uns por falta de informação outros sabem mas não estão nem ai. Vale a pena pesquisa ler cada um que se cuide e fique informado.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela sua contribuição na desinformação! Esse "químico" deveria ter seu CRQ caçado. Engraçado que no meu curso técnico eu, juntamente com meu professor, fizemos testes laboratoriais, só por curiosidade mesmo, e não encontrei nem o cheiro de chumbo no henê pelúcia, que é o que eu uso.

    ResponderExcluir
  7. hahahaha... uso henê ha 15 anos e ate hoje não fiquei corcunda! Aliás, minha saúde está perfeita graças a Deus... a única coisa que ganhei com isso foram cabelos lisos e sedosos...

    ResponderExcluir
  8. http://siaibib01.univali.br/pdf/Giuvane%20Bezerra%20Rodrigues%20e%20Maria%20Sania%20Barbara%20Stefanello.pdf

    ResponderExcluir
  9. Olá, você pode me informar sobre algum profissional sério aqui em Recife PE, que utilize o hene com responsabilidade. Obrigada nadja

    ResponderExcluir
  10. Olá, você pode me informar sobre algum profissional sério aqui em Recife PE, que utilize o hene com responsabilidade. Obrigada nadja

    ResponderExcluir
  11. Parabéns pela pesquisa. Eu tenho 45 anos e usei o henê dos meus 13 aos 18 anos, assim como muitas amigas, primas e tias. Algumas delas usaram por mais de 20 anos seguidas. nunca nenhuma de nós tivemos qualquer problema com o uso do henê. Parei de usar porque queria modificar o visual. Acredito que o henê não causa danos a saúde. Meu nome è Nadir.

    ResponderExcluir
  12. Não podemos esquecer que a progressiva é uma química relativamente nova, e já vimos diversos casos de morte devido o formol, e o henê sendo uma química muito antiga e com prova de pessoas que usam e usaram por mais de 30, 40 anos nunca houve um caso de morte causado pelo henê. O fato é que o henê por ser um produto barato e os salões de beleza não ter lucro nenhum em cima de suas clientes o marketing acaba colocando uma fama de vilão, claro que ele por ser uma química progressiva a pessoa terá que usar por diversas vezes e como qualquer outra química tem que fazer uso de bons cremes de hidratação, nutrição e restauração e jamais esquecer que o henê é para pessoas que amam cabelo preto não adiante ficar 6 meses sem usar henê e fazer luzes CLARO que seu cabelo vai cair. Enfim como qualquer outra química ele tem seus prós e seus contras então usando com responsabilidade a pessoa terá um cabelo lindo se for bem cuidado afinal até cabelo liso de verdade mal cuidado fica feio. Não existe relatos que a química do HENÊ MATAOU OU IRÁ DEIXAR CORCUNDA(coisa mais bizarra que já li a respeito de henê) kkkkkkk

    ResponderExcluir
  13. BOA NOITE, MINHA MÃE USA O HENE PELUCIA, P/ COBRIR OS BRANCOS, MAS NEM SEMPRE CONSEGUE E TBM TEM QUEDA DE CABELOS, P/ MINIMIZAR ELA USA AMPOLAS ANTI-QUEDAS, É CERTO?

    ResponderExcluir
  14. Uso henê pelúcia a mais de 20 anos , e sempre tive dúvidas se continha chumbo ou não mas agora estas dúvidas ficarão para trás . Só tenho mai uma dúvida , que mau faria o henê às crianças e as grávidas ?

    ResponderExcluir
  15. "se usar ele por 7 anos seguidos a pessoa fica até corcunda"
    Meu Deus que crendice absurda, beira o ridículo mesmo kkkk
    Esse químico deveria ter o crq cassado, como disse a pessoa acima kkkkkkll

    ResponderExcluir
  16. Estou usando a 3 anos, fiquei muito feliz pela beleza e praticidade, pois lavo e seca naturalmente. Meus cabelos se transformaram, esta super liso, preto com muito brilho, eles eram ondulados e super volumoso e armado, porém agora percebo que esta ficando muito fino, as pontas muito ralas, diminuiu demais o volume e não consigo encontrar em nenhum lugar uma solução ou comentários de alguém q teve também esse resultado. Quero muito continuar com o Henê, mas se continuar afinando e ficando cada vez mais ralo, vou ser obrigada a cortar curtinho.
    Alguém poderia me ajudar ???

    ResponderExcluir
  17. Estou usando a 3 anos, fiquei muito feliz pela beleza e praticidade, pois lavo e seca naturalmente. Meus cabelos se transformaram, esta super liso, preto com muito brilho, eles eram ondulados e super volumoso e armado, porém agora percebo que esta ficando muito fino, as pontas muito ralas, diminuiu demais o volume e não consigo encontrar em nenhum lugar uma solução ou comentários de alguém q teve também esse resultado. Quero muito continuar com o Henê, mas se continuar afinando e ficando cada vez mais ralo, vou ser obrigada a cortar curtinho.
    Alguém poderia me ajudar ???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu cabelo já esta liso né, se você esta usando o henê no cabelo todo, da raiz as pontas ele vai afinar e quebrar, use no na raiz na parte que cresceu não use mais no comprimento as pontas. Espero ter ajudado 😘

      Excluir